ACRÓSTICO DE CLARINDO MÁRIO QUEIROZ GALVÃO

 EM HOMENAGEM À “ACADEMIA DE LETRAS DO BRASIL – BAHIA.

Arcádia, nome de Academia Literária,

Centro intelectual de Árcades, região da Grécia,

Aonde nasceu o Arcadismo, influência cultural,

Desenvolvido na Poesia Grega e Romana

Entre séculos dezessete e dezoito;

Membros colhiam nomes de pastores, bons poetas,

Invocando poemas bucólicos e idílicos

Atuantes, em parte, pela Europa e Brasil,

 

Dotados em poemas líricos nacionais,

Envolvidos de características próprias.

 

Luminosas letras que dão brilho à Cultura,

Entremeios dos séculos: passado e presente,

Trazem para os Acadêmicos Imortais

Regentes desta tão magnânima Assembleia,

Apoteose no perfil da Literatura,

Semeia beleza, arte, filosofia e abertura

 

Dos movimentos literários nacionais,

Ordenados entre os setores regionais.

 

Brasil! Grande orgulho do povo brasileiro,

Remonta em sua glória seu brado retumbante,

Alicerçado na esperança de crescer,

Sente que a literatura regozijante,

Incrementada por amantes acadêmicos

Livres, pregam a dedicação flamejante.

 

Berço deste Brasil imenso e colossal,

Alma de gente feliz, busca o cultural.

Hoje canta de maneira fenomenal,

Inspirado na proteção de um colegiado:

ACADEMIA DE LETRAS DO BRASIL – BAHIA”

Academia de Letras do Brasil

Seccional Bahia

© 2017  Criado por Fenix Solução