Autor : Ildo Simões.

 Médico e poeta. Presidente da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores – SOBRAMES BAHIA.

NASCER... OU NÃO NASCER

(Texto produzido após visita a uma maternidade pública)

Humana raça humana estropiada

Se nascer/viver em tempo hodierno

 

Está além do purgatório quase inferno

 

Talvez seja melhor ficar na estrada

 

Acudi Senhor Deus dos desgraçados

 

Que este mundo é só padecimento

 

As palavras são levadas pelo vento

 

Sem que cheguem a seus filhos deserdados

 

Nascer só tem razão se uma ventana

 

De luz ao fim do túnel lhe espera

 

E lhe espera bem mais que u’a traquitana

 

Chegar a este mundo hoje, insano

 

Só vale se não for uma quimera

 

 A esperança de ser um ser humano.

Academia de Letras do Brasil

Seccional Bahia

© 2017  Criado por Fenix Solução